fbpx

Morar em Hotel ou Hotel para morar?

4 minutos para ler

Se o seu desafio é onde morar, talvez o hotel seja uma oportunidade. Então morar em Hotel ou hotel para morar pode ser uma discussão interessante neste processo de tomada de decisão.

Morar em Hotel ou Hotel para morar?

Será que é uma decisão ou este também é um posicionamento que está complicado de ser transformar em questão a ser discutida?

A fachada do HOTEL é uma beleza a parte para a casa temporária ou definitiva que decidiu transformar a moradia em serviço eficiente de habitação.

O que se procura para uma moradia?

Se for solteiro?

  • fácil
  • pequeno mas não tanto, ainda assim fácil de arrumar
  • confortável para ter um canto de descanso e planejar a vida

O quarto de solteiro pode ser uma opção para quem não quer domir em uma cama grande. Talvez esteja recebendo uma visita de familiar e que vai compartilhar o espaço.

Se for recem casado?

  • fácil
  • grande mas não muito, que seja fácil de arrumar
  • Confortável, um local para ser um ninho para estar neste contexto de recem casados
  • Que possa ter um ambiente para receber os amigos, será mesmo?

Se for recem separado?

  • fácil
  • do tamanho suficiente para chegar e não precisar se preocupar tanto com arrumação
  • confortável para descansar e pensar no que fazer da vida

Nestes três modelos de potenciais moradores tem também questões RESOLVIDAS de:

  • mobília
  • enxoval
  • faxineira
  • internet
  • condomínio
  • água
  • elevador
  • Café da manha
  • Lanche no final do dia

Então a parte “Fácil” e “Serviços” se tornam a dor comum. Ou que nem todos estão dispostos a ter que ficar lidando no dia a dia. Se morar em um ambiente que está parte esteja resolvida, outros problemas são mesmo pessoais e privados.

A recepção do hotel é sempre um lugar de convivência. Um ambiente de encontro e despedidas. Se estiver morando será a sua sala de estar

Desapego como opção em moradia

Com o conceito de DESAPEGO segundo o casal que está retratado no site Turismo de Minas – Morar em Hotel registra um pouco da experiência. Uma experiência que aborda não apenas vender tudo que tem e viver uma experiência em Hotéis. Com isto até a questão de vestuário foi transformada. Não há mais espaço para excessos, o que se tem é o que se usa.

Ainda assim existe pontos falhos como a cada mudança não precisar de fiador, depósito calção, garantias etc. No entanto há de ser ter que fazer check-in e preencher todas as fichas. De fato em alguns momentos a chave da porta desmagnetiza e será necessário retornar a portaria para outra chave. Por certo não é um registro tão complicado, mas é que se está em outro ambiente, haverá eventualmente alguns contratempos. No entanto são problemas sempre menores que arrumar uma novo endereço para alugar ou comprar. Em outras palavras a ideia é transformar a moradia em serviço e aproveitar desta mudança.

Morar em hotel está se tornando hábito

No site Estado de Minas tem uma matéria especial sobre como morar em hotel está se tornando um hábito. O post que retrata a vida de quem optou por morar sozinho é bem interessante e vale uma leitura.

O hospede perde este conceito e se torna mensalista. Desta forma como mensalista tem algumas regalias: preço diferenciado e serviços exclusivos para quem se torna cliente com fidelidade.

Segundo o jornal o perfil deste morador sozinho são: divorciados; estudantes universitários; pessoas de outras cidades que vieram para a capital a trabalho. Um outro perfil temporário são pessoas que estão reformando seus apartamentos ou casas e que por um tempo precisam de estar fora de casa até que o Lar volte a ser um Lar.

Transformar o Hotel em Lar

Este registro está no site Turismo.ig.com.br retratando como a rede hoteleira tem investido neste contexto de transformação. Desta forma o Café da manha pronto logo cedo, pronto e te esperando. Além disso não tem que arrumar a cozinha. Do mesmo modo não tem que ir na quitanda comprar frutas frescas.

Por outro lado a cama está sempre arrumada e até o serviço de lavanderia está bem resolvida. Em outras palavras a gestão eficiente da casa se torna serviço contratado na transformação do quarto de hotel em Lar doce Lar.

Se hotel será o seu lar o restaurante pode ser uma extensão com vantagens.

De certo nunca terá que arrumar a cozinha. Por outro lado será sempre servido como um convidado especial.

Se tiver alguma #ficadicca de Restaurante coloque no comentário que iremos complementar o nosso conteúdo.

#carnavaldeubá #vemprocarvanavaldeUbá #vemfazerTURISMOemUbá #vemprocarvanavaldeUba #vemfazerTURISMOemUba

#Indicca – Geração de Conteúdo

Arena Gastro Bar ReservasPowered by Rock Convert
Posts relacionados